Notícia publicada em 04/12/2015 - 22:56:41 | JI-PARANÁ - POLICIAL

 

CASO JUNINHO – Polícia Civil esclarece crime e procura latrocida de alta periculosidade, em Ji-Paraná - VIDEO

 

Um ano após a morte do jovem empresário Fábio Júnior Alves de Souza, mais conhecido por amigos como “Juninho”, Policiais Civis do Sevic da 1ª DP, sob o comando do Delegado Dr. Luís Carlos Hora, conseguiram elucidar este crime que acabou chocando a cidade de Ji-Paraná.

 


“Juninho” foi morto ao chegar em sua residência, localizada no bairro Parque São Pedro, na madrugada do dia 17/10/2014. De acordo com familiares, “Juninho” chegou em sua residência, no Bairro Parque São Pedro, por volta das 02h30, e quando entrou no quintal foi surpreendido por um homem armado. Logo em seguida, houve uma a gritaria e na sequencia, três disparos de arma de fogo. Um irmão da vítima ouviu os tiros e quando saiu de casa para ver o que estava acontecendo, se deparou com o criminoso em cima do empresário, arrancando as correntes de ouro e acabou entrando em luta corporal. Antes de fugir pulando o muro, o assassino ainda disparou duas vezes contra o irmão, por sorte o jovem não foi atingido.

 

Notícia publicada em 17/10/2014 - 06:59:59  Empresário “Juninho da Original” é morto a tiros ao reagir assalto, em Ji-Paraná

 

Desde então, a Polícia trabalhou no caso incansavelmente e chegou até o suposto latrocida, identificado como Raimundo Oliveira da Silva, 37 anos, vulgo "Piu", foragido do Estado de São Paulo, mas residia em Ji-Paraná, no mesmo bairro em que cometeu o crime.

 

De acordo com o Delegado Dr. Luís Hora, no local foram encontradas várias evidências que provam a autoria do fugitivo e está aguardando um resultado de DNA para concluir o Inquérito.

 

O delegado ainda falou que, após o crime, o fugitivo Raimundo Oiveira ou Piu, ainda roubou um supermercado no bairro Dom Bosco e acabou fazendo um cliente de refém para fugir. Depois, fugiu para a Capital, onde foi preso após sequestrar uma família no município de Humaitá.

 

Notícia publicada em 02/11/2014 - 22:44:19 Após sequestro em Humaitá, suspeito troca tiros com a polícia na ponte do rio madeira e acaba preso


 

Raimundo ou “Piu”, ficou preso por apenas alguns meses e acabou fugindo do Presídio Urso Panda. Ele encontra-se fugitivo e é considerado de alta periculosidade. Sua pena ultrapassa os 100 anos de reclusão.

 

Quem souber do paradeiro deste criminoso de alta periculosidade, ligar imediatamente para o 190. Não precisa se identificar.

 

 

 

Matéria:www.comando190.com.br

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades