Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Eventos Artigos

Veja Também

Parceiros

Notícia publicada em 11/12/2015 - 09:46:43 | URUPÁ

 

URUPÁ - Polícia Civil prende assaltantes da “touca ninja”

 

A Polícia Civil do Estado de Rondônia, em Urupá, prendeu nesta quinta-feira (10), dois elementos suspeitos de praticar um roubo que aterrorizou os habitantes de Urupá, município localizado há cerca de 430 quilômetros da capital Porto Velho.

 

Fagner Correia Rosa, vulgo “Caixinha” (18 anos) e Hemerson Ribeiro dos Santos, vulgo “Careca” (20 anos), são suspeitos de praticarem a subtração de joias, dinheiro e vários objetos pessoais de duas vítimas (pai e filha), mediante emprego de grave ameaça com arma de fogo e violência. Os agentes invadiram a residência das vítimas e, após consumarem o delito, ainda amarraram e amordaçaram as vítimas, a fim de impedir que pedissem o auxílio da Polícia. Antes de deixarem o local, ameaçaram s vítimas de morte, caso denunciassem o fato à Polícia.

 

O crime ocorreu em 27 de novembro e desde então os agentes de polícia de Urupá vêm apurando o caso e, na data de hoje, deram cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pelo Juízo da 1ª Vara Criminal da Comarca de Alvorada do Oeste (RO), retirando de circulação os dois criminosos de altíssima periculosidade.

 

Além de realizar a prisão dos suspeitos, os policiais civis de Urupá conseguiram recuperar parte dos objetos subtraídos, além de localizar uma touca ninja e a arma de fogo (revólver calibre .32) utilizada pelos agentes na empreitada criminosa, a qual estava municiada. Os agentes encontraram, ainda, pequenas quantidades de maconha, porções de crack, recortes de sacolas plásticas e um rolo de linha, razão pela qual Fagner Correia Rosa também foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e posse de arma de fogo de uso permitido.

 

Na Delegacia, Hémerson confessou o delito, narrando em minúcias toda a dinâmica do evento criminoso, enquanto Fagner manifestou o desejo de permanecer calado e não quis responder às perguntas feitas pela autoridade policial.

 

O delegado responsável pelas investigações, Dr. Silvio Hiroshi Yamaguchi, enalteceu o trabalho dos policiais civis de Urupá pelo comprometimento no deslinde do caso, bem como cobrou maior colaboração da população local, lembrando que a Polícia Civil do Estado de Rondônia possui um serviço voltado para o registro de denúncias anônimas (DISQUE DENÚNCIA 197), onde a ligação é gratuita e o serviço funciona 24 horas por dia. Destacou, ainda, que além deste canal as denúncias poderão ser enviadas através de e-mail (197@pc.ro.goc.br) ou do aplicativo whatsapp (69 8418-7820), não sendo necessário identificar-se.

 

Os suspeitos, que agora estão recolhidos na Casa de Detenção de Alvorada do Oeste, foram indiciados pelo crime de roubo circunstanciado pelo emprego de arma de fogo e pelo concurso de pessoas. Fagner foi ainda indiciado pelo crime de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

 

Matéria:Assessoria

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades