Notícia publicada em 30/07/2016 - 20:03:36 | BURITIS

 

Produtor rural é baleado na fazenda no Vale do Jamari

 

 

O produtor rural P. S. T., de 44 anos, foi vítima de uma tentativa de homicídio no final da tarde desta sexta-feira (29), o local do crime foi em sua propriedade rural, por nome Fazenda JC, localizada no travessão da Linha C-65 com C-60, no distrito de Bom Futuro, em Alto Paraíso na divisa com Buritis, Monte Negro e Ariquemes, no Vale do Jamari.

De acordo com o registro policial o produtor estava na sede da fazenda e viu um homem armado e encapuzado rendendo seu filho e funcionários da propriedade e efetuando tiros em direção das pessoas dominadas, o fazendeiro reagiu em defesa dos reféns e atirou com uma espingarda calibre 12 contra o infrator , porém um segundo encapuzado estava de tocaia e revidou acertando os braços, mãos e tórax do fazendeiro que mesmo ferido trocou tiros fazendo os encapuzados deixarem o local em recuada, não há informações se foram atingidos.

O produtor foi socorrido pela esposa sendo transportado em uma caminhonete Hilux, a polícia militar foi comunicada e encontrou a casal a caminho do hospital pela linha C-70, a guarnição fez escolta até o hospital regional em Ariquemes. Os funcionários e o filho não foram atingidos o produtor está internado e não corre risco de morrer, a arma dele foi apreendida por falta de registro.

 

 

Área de conflito

Em meados do ano passado P. S. T. vendeu a respectiva área de terra ao fazendeiro Hiram Alves de Cristo, que foi assassinado em fevereiro passado no distrito de três coqueiros, em Campo Novo de Rondônia. Após a morte de Hiram, P. S. T. readquiriu o imóvel.

A região da Fazenda JC é marcada por conflitos agrários, fica próxima da fazenda formosa, esta última está invadida por integrantes da LCP, a localidade têm altos índices de crimes contra a vida.

 

Matéria:Rondoniavip

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades