Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Eventos Artigos

Veja Também

Parceiros

Notícia publicada em 19/09/2016 - 11:18:48 | SÃO MIGUEL

 

Em São Miguel do Guaporé, Polícia Militar prende foragido da justiça transportando 05 pistolas de uso restrito, um revólver e uma espingarda

 

Na madrugada desta segunda-feira, dia 19, no município de São Miguel do Guaporé, a aproximadamente 160 Km de Ji-Paraná, a Polícia Militar conseguiu apreender um grande arsenal e prender duas pessoas, sendo que uma delas estava foragido do sistema prisional da comarca de Cacoal.

 

De acordo com o comandante da 4ª CIA/2º BPM, Tenente Pazinatto, a prisão aconteceu durante uma barreira montada na BR 429, na altura do KM 01, no intuito de inibir o tráfico de drogas na região do Vale do Guaporé.

 

Por volta das 02h00, os PM’s abordaram um caminhão boiadeiro, de placas NWB-6744, que seguia sentido Costa Marques a São Miguel, carregado com uma mudança. Durante abordagem, os policiais perceberam um certo nervosismo nos dois ocupantes do veículo.

 

Então, resolveram fazer uma revista mais minuciosa e acabaram encontrando 04 pistolas calibre 9mm, 01 pistola calibre .45, todas de uso restrito apenas para forças policiais), 01 revólver calibre 32, uma espingarda de pressão remodelada para o calibre 22 e farta munições. Além do forte poderio bélico, também foram apreendidos dois rádio comunicadores que eram usados sem o devido registro.

 

Os suspeitos, identificado como Vagner Lima Taxi, de 23 anos, e Kelton Cleverson Magalhães, de 22 anos, assumiram a propriedade do armamento e confessaram que pretendiam comercializar as armas na cidade de Cacoal.

 

Em desfavor de Vagner Lima Taxi foi constatado dois Mandados de Prisão, um deles pelo crime de “Estupro de Vulnerável”.


Diante da situação, ambos receberam voz de prisão e foram encaminhados à delegacia de polícia para providências.

 

Matéria:www.comando190.com.br

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades