Notícia publicada em 27/05/2018 - 11:38:44 | GERAL

 

Com falta de combustível em Porto Velho morador abastece moto com álcool comprado em supermercado

 

Saymon Oliveira mora na Zona Leste de Porto Velho e improvisou durante a falta de combustível na capital (Foto: Arquivo pessoal )Saymon Oliveira Silva teve uma ideia alternativa para abastecer sua motocicleta durante o período de pouco de combustível em Porto Velho, provocado pelos bloqueios nas estradas durante as manifestações dos caminhoneiros. Ele comprou três litros de álcool volume 96 para poder se locomover pela cidade.


"Como a moto é flex eu peguei e lancei o álcool 96 nela. Comprei no mercado por R$ 8,69 o litro", disse Saymon Oliveira.Saymon precisa da moto para ir ao trabalho e deixar sua filha na escola, por isso a necessidade de improvisar para se locomover. De acordo com ele a ideia surgiu após procurar por combustível em vários postos da cidade e não encontrar.


"Minha moto ficou na reserva, mas eu não abasteci porque pensei que a situação não ia ficar pior do que já tava, só que ficou né? Nunca imaginei que ia ficar a cidade toda sem gasolina", explica.


Saymon afirma que a moto está funcionando normalmente e caso os postos de Porto Velho continuem desabastecidos ele garante que continurá 'enchendo o tanque' com álcool comprado no supermercado.


Mesmo com os imprevistos Saymon e a família apoiam a paralisação dos caminhoneiros. "É uma boa luta sim", acrescenta.

 

Segundo o mecânico Eduardo Lima, esse 'improviso' pode gerar problemas na bomba elétrica e travar os bicos injetores. A recomendação de Eduardo é que Saymon retire todo o álcool do tanque com o auxílio de uma mangueira, abasteça com um combustível adequado e leve a motocicleta para que um mecânico profissional avalie a situação.

Em Rondônia a manifestação dos teve início na terça-feira (22) e afeta distribuição de combustível, água e energia. Com a paralisação, todos os postos do interior do estado ficaram sem combustível, e Porto Velho secou 90% das reservas, segundo o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados do Petróleo de Rondônia (Sindipetro).

 

Matéria:G1

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades