Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Eventos Artigos

Veja Também

Parceiros

Notícia publicada em 08/06/2018 - 21:59:00 | JI-PARANÁ - POLICIAL

 

Seis pessoas são conduzidas para a Delegacia com droga após atropelar ciclista, em Ji-Paraná

 

Na tarde desta sexta-feira, dia 08, um jovem de 19 anos estava voltando de seu trabalho quando foi atropelado por um veículo Chevrolet Monza, que estava sendo conduzido por um adolescente de 17 anos de idade. A acidente aconteceu na Rua Cedro, entre as Ruas K-04 e K-03, no bairro JK, 2º Distrito de Ji-Paraná.

 

De acordo com a Polícia, o adolescente conduzia o veículo em alta velocidade quando bateu no ciclista, chegando a arrastar a vítima por, pelo menos, 50 metros. Testemunhas afirmaram aos PM’s que o carro só parou porque ficou imprensado entre o muro da Escola Infantil Menino Jesus e uma lixeira.

 

(Fotos: Site PlantaoCentral)

 

 

(Fotos: Site PlantaoCentral)

 


(Fotos: Site PlantaoCentral)

 

 

(Fotos: Site PlantaoCentral)

 

 

(Fotos: Site PlantaoCentral)

 

Logo após o acidente, o adolescente e mais 05 ocupantes do veículo, sendo 04 menores de idade e 01 maior, tentaram se evadir do local, deixando o ciclista muito ferido.

 

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros rapidamente chegaram no local e abordaram os suspeitos já na outra quadra. O ciclista recebeu os primeiros socorros e foi conduzido ao Hm com fraturas nas pernas.

 

Enquanto os Policiais Militares preenchiam as documentações de praxe, a Central de Operações (190), recebeu uma ligação informando que um dos indivíduos passou uma certa quantidade de droga para uma das adolescentes esconder dentro de suas vestes.

 

Durante a revista, as Policiais Militares femininas encontraram mais de 30 parangas de “Cocaína” e um outro invólucro contendo uma substância semelhante a Cocaína, escondido nas partes íntimas das adolescentes.

 

Na delegacia, as garotas confessaram que um pouco antes de fugir do local do acidente, um amigo que também estava dentro do carro, identificado com o John Guilherme do Nascimento, de 23 anos, entregou a droga e pediu para que elas escondessem. Elas também confessaram que passaram a noite na companhia dos amigos ingerindo bebida alcoólica.

 

John Guilherme, que se intitulou ser membro de uma facção criminosa, negou a versão das adolescentes, porém foram constadas duas ocorrências em seu desfavor por fornecer bebida alcoólica para menores de idade.

 

 

 

Matéria:www.comando190.com.br

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades