Notícia publicada em 27/09/2018 - 11:44:13 | SÃO MIGUEL

 

Polícia Civil elucida crime bárbaro e prende jovem que matou idoso a pauladas, em Seringueiras

 

A Polícia Civil de Seringueiras, com apoio do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil de São Miguel do Guaporé/RO, elucidou e esclareceu a dinâmica do crime de latrocínio (roubo seguido de morte), que vitimou o idoso José Pereira de Oliveira, de 69 anos, no último sábado, dia 22. O idoso foi agredido com pauladas no prédio da antiga prefeitura municipal de Seringueiras, na Av. Jorge Teixeira, por volta das 04h da madrugada, enquanto dormia.
Após cinco dias de intenso trabalho investigativo, chegou-se à definição da autoria do crime, que recaiu sobre o suspeito Leonardo Gonçalves Venite, de 18 anos.

O Delegado de Polícia que presidiu as investigações, Dr. Hazael Francisco dos Santos, representou pela prisão preventiva de Leonardo que foi cumprida na mesma data.

 

 

 

Entenda o caso

Segundo o Delegado Hazael, Titular da Delegacia de Polícia de Seringueiras, na noite do crime, o suspeito havia tido contato com a vítima na casa de uma amiga em comum, tendo percebido que o idoso portava considerável quantia em dinheiro na carteira. Diante disso, esperou a vítima sair do local, a seguiu, e quando encontrou um momento oportuno, por volta das 04 horas da madrugada, desferiu três pauladas na cabeça da vítima, enquanto esta dormia, se apossando, em seguida, do dinheiro que a mesma portava consigo. A vítima não resistiu aos ferimentos e veio a óbito na manhã do mesmo dia, em decorrência de traumatismo crânio-encefálico.

Ao ser interrogado, o suspeito confessou a autoria do crime e narrou como se deu a dinâmica dos fatos. Segundo ele, na noite do crime passou na casa de uma amiga, onde estava também a vítima, sendo que esta estava pagando bebidas para os demais presentes, momento em que ele percebeu que a vítima portava considerável quantia em dinheiro, então esperou a vítima sair do local, a seguiu, e ao percebeu que a vítima dormia no prédio da antiga prefeitura, após verificar que o vigilante não estava por perto, desferiu os golpes na cabeça da vítima, em seguida, subtraiu a quantia de R$ 1.000,00 encontrado na carteira da mesma e evadiu-se do local.

Segundo o Delegado, quando o suspeito foi preso, ele já tinha fugido de Seringueiras, estando escondido na casa de uma tia na cidade de São Miguel do Guaporé/RO. Disse ainda que a vítima era uma pessoa trabalhadora e muito bem quista na região onde morava, tendo a população local ficado indignada com o crime bárbaro.

Dr. Hazael afirmou que a Polícia Civil tem trabalhado diuturnamente para combater a criminalidade na região do Vale do Guaporé, e conta com a participação da sociedade na elucidação dos crimes, seja com ligações anônimas no disk denúncia (197), ou mesmo prestando depoimentos sem rosto (que não identifica a testemunha nos autos), pois tais informações são de suma importância para a elucidação dos crimes que acontece na região, garantindo-se, assim, maior segurança à população.


 

Matéria:www.comando190.com.br

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades