Notícia publicada em 08/01/2019 - 09:00:56 | JI-PARANÁ - POLICIAL

 

Presa quadrilha que matou empresário durante assalto na casa de policial

 

Policiais da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio já prenderam os envolvidos no assalto frustrado na casa de um policial civil na última sexta-feira (4) em Porto Velho e que terminou com a morte do empresário Rubens Lima do Amaral, 50 anos, que era um dos convidados de um churrasco na casa de um policial, na Zona Leste de Porto Velho.

 

Ângelo A.O., Evirton R., e Mariana U.S., foram presos entre sexta e sábado, acusados de terem participação no crime. Um adolescente de 14 anos, apontado como atirador, também foi detido.

 

De acordo com o delegado, Hélio Teixeira, no dia do crime o policial civil estava confraternizando com amigos em sua residência, quando o adolescente aproveitou que o portão da casa estava aberto, entrou e anunciou o assalto. O policial reagiu, trocou tiro com o bandido e Rubens Lima acabou sendo atingido com um tiro na cabeça e morreu no local.

 

Os criminosos fugiram sem levar nada da vítima em um veículo Fiat Uno branco. A Polícia Militar foi acionada e durante o patrulhamento abordou Mariana Urbano em uma motocicleta. Questionada, ela confessou que estaria indo levar a motocicleta para um dos criminosos que teria cometido um crime.

 

Ainda durante as diligências para prender os demais envolvidos, os policiais civis conseguiram localizar os outros suspeitos. O menor foi reconhecido pelas vítimas e os outros negaram participação na tentativa de assalto.

A arma utilizada no crime não foi localizada e o carro usado pelos criminosos na fuga foi apreendido. 

 

Matéria:rondoniagora.com.br

 

 

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

 

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se

prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 

Publicidade

 

 

 

Publicidade

 

Comentários

 

 

Home Notícias Vídeos Classificados Fale Conosco Curiosidades