MFM
MFM
Vou de Car
Vou de Car
Voltar Publicada em 26/05/2022 | Política

Prefeito Isaú Fonseca manda vereador calar a boca e ataca professores que exigem o reajuste salarial prometido

“Não, não, não. Estou falando com os professores, você é vereador e depois a gente resolve!” - “Vocês estão achando que tenho medo de papel?”, trechos falado pelo Prefeito Isaú

Nesta quinta-feira, dia 26, durante a sessão itinerante da Assembleia Legislativa, que aconteceu na Rondônia Rural Show, vários professores da rede municipal de Ji-Paraná fizeram um protesto por reajuste salarial. Os professores ainda informaram que o piso salarial nacional concedido pelo Presidente, ou seja, 33% não foi repassado para a categoria, conforme propagado pela administração municipal.

Além do reajuste salarial, o Prefeito ainda não entregou as lousas digitais e os aparelhos de notebook que foram divulgados nas redes sociais do Prefeito e do Vereador Wellinton Negão.

Após a manifestação dentro das instalações da Assembleia Legislativa, os professorem saíram às ruas do evento, entre os standers, segurando cartazes e expondo a insatisfação da classe.

Conforme o cartaz, os manifestantes alegam que estão sendo ameaçados pela administração em razão do ato. Em um vídeo que circula nas redes sociais, durante o diálogo entre os professores municipais e o Prefeito Isaú Fonseca, o Vereador Bruno Carvalho tenta intermediar a conversa, mas acaba sendo silenciado pelas duras palavras do prefeito. “Não, não, não. Estou falando com os professores, você é vereador e depois a gente resolve!”, gritou o prefeito.

O vereador falou que sua mãe chegou a ser ameaçada, caso ela participasse de algum manifesto. “Minha mãe falou que se ela fosse participar deste movimento, iriam jogar ela em uma escola lá no final da linha”, comentou o vereador.

Em seguida, o prefeito Isaú Fonseca, retrucou dizendo que qualquer um dos professores que estavam ali poderia ser transferido, caso alguma escola necessitasse de efetivo.

Para uma professora de 53 anos de idade, que estava na manifestação e preferiu não se identificar com medo de represálias, o Prefeito mostrou total despreparo ao tratar com ignorância uma classe que vem lutando pelos seus direitos há décadas e que se sacrificaram durante a pandemia. “O prefeito nos desrespeitou completamente e mandou o vereador Bruno calar a boca na nossa frente. Ele nos tratou com muita arrogância e prepotência com um discurso bem diferente do que ele havia adotado durante sua campanha, quando foi na minha casa pedir o vota da minha família”, disse emocionada a servidora que trabalha na educação há quase 30 anos.

O Presidente da Câmara Municipal, o Vereador Wellinton Negão, que é filho do Prefeito Isaú Fonseca, foi procurado pela redação do site comando190 para falar sobre o caso, porém não conseguimos contato com sua assessoria. Também foi procurado outros vereadores, mas não obtivemos retorno.

ASSISTA AO VIDEO:

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Publicidade
Top motos interno
Top motos interno
Publicidade
Ji-Ferro
Ji-Ferro
Inviolável
Inviolável