Dr. Arissa
Dr. Arissa
Binho
Binho
Vou de Car
Vou de Car
Voltar Publicada em 08/04/2021 | JI-PARANÁ - POLICIAL

PM apreende aproximadamente 13 Kg de Maconha, munições .40, dinheiro e joias, em Ji-Paraná


Na manhã desta quinta-feira, dia 08, a Guarnição de Força Tática do 2º BPM, mais conhecida como “Raio”, prendeu dois suspeitos de estarem comercializando entorpecente em Ji-Paraná na modalidade “disque-drogas”. Durante a ação, os PM’s apreenderam uma grande quantidade de Maconha, Cloridato de Cocaína (brilho), dinheiro, joias e até munições de calibre .40.

De acordo com a PM, uma Guarnição de Força Tática abordou um veículo e durante a busca municiosa foram localizados vários papelotes de Cocaína pura, mais conhecida como “brilho”, que tem um alto valor de mercado, chegando a ser comercializada por R$ 50 reais, o grama. Além da droga, os militares também localizaram várias sacolas vazias que era usada para embalar a droga.

O motorista do carro foi identificado como André Felipe dos Santos Freitas e o passageiro como sendo Edson Nonato dos Santos Freitas Júnior, apenado que já está cumprindo pena com uso de Tornozeleira Eletrônica por Tráfico de Drogas.

Continuando com as diligências, os policiais foram até uma residência no bairro Veneza, que estava sendo usada para armazenar a droga. A casa não possuía mobília e a droga estava dentro de uma mala. Ao todo foram localizados 13 tabletes de Maconha, munições de calibre .40, um cabo de madeira de revólver e utensílios usados para pesar e embalar a droga.

Já na casa do apenado Edson Nonato, localizada no bairro Novo Ji-Paraná, os policiais encontraram cerca de 200 gramas de Cloridato de Cocaína ou Brilho, utensílios para pesar e embalar a droga e um circuito interno de câmeras, onde ele monitorava quem passava na rua.

A dupla recebeu voz de prisão e foi encaminhada à Unisp, onde foram flagranteados pelo delegado Dr. Júlio César Rios pelo crime de Tráfico de Drogas, Posse Ilegal de Munições e Associação para o Tráfico de Drogas.

ATENÇÃO SR(s) INTERNAUTAS

Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Publicidade
Top motos interno
Top motos interno

Publicidade
Ji-Ferro
Ji-Ferro
Inviolável
Inviolável
Gráfica Center
Gráfica Center
Posto Perfil
Posto Perfil